Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Economia

Temporais que atingiram Minas e ES estão refletindo no mercado global de café

Jornal do Brasil

De acordo com uma matéria publicada nesta sexta-feira (10/1) em um dos principais provedores mundiais do mercado financeiro, o Bloomberg, a comercialização do café registrou alta em Nova York, em meio a sinais de uma safra menor no Brasil, maior produtor do mundo.

A reportagem ressalta que as chuvas de dezembro em um cinturão do café no Brasil pode ter danificado cerca de 40% da colheita que era destinada a outros países. As informações foram transmitidas ao portal pelo meteorologista Celso Oliveira, da Somar Meteorologia. A matéria destaca ainda que a empresa exportadora reduziu sua previsão de safra de 5,6 por cento, para 51 milhões de sacas. Segundo as previsões globais, o saldo do café deve levar a um déficit na temporada que termina no próximo ano, com a safra do Brasil "encolhida". 

"A tendência dos preços é mudar, porque o mercado está antecipando que o Brasil vai lutar para manter os níveis de produção elevados dos últimos anos", disse Hernando de la Roche, vice-presidente sênior da INTL FCStone em Miami, ao Bloomberg. Nesta quinta-feira (9/1), o preço do produto chegou a um valor de mercado mais alto para um contrato ativo desde 19 de agosto. No ano passado, o preço caiu 23%, a terceira queda consecutiva e a maior queda anual desde 1993, com as colheitas abundantes no Brasil reforçando um excedente global.

O cinturão do café no Brasil inclui trechos em Minas Gerais, o maior produtor de grãos arábica, e do Espírito Santo, o maior produtor da variedade robusta. A área foi afetada com 650 milímetros (25,6 polegadas) de chuva em dezembro, mais que o triplo do número normal para o mês, segundo a Somar. A empresa Volcafe, a unidade especializada no produto com sede na Suíça, já alertou que a produção brasileira pode cair até 51 milhões de sacas este ano, de 57,2 milhões em 2013. Segundo a empresa, em parte por causa dos prejuízos que os agricultores tiveram.

Assim, as previsões já previnem os comerciantes que não será alcançado a enorme safra esperada, acima de 60 milhões de sacas. Para chegar a esta conclusão, o portal ouviu especialistas brasileiros.

Tags: brasil, café, comercialização, Menor, Safra

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.