Jornal do Brasil

Sábado, 19 de Abril de 2014

Economia

Produção de petróleo e gás natural aumentou 1,2% em novembro

Jornal do Brasil

A Petrobras informou nesta segunda-feira que a produção total de petróleo e gás natural da companhia no Brasil, em novembro, foi de 2 milhões 342 mil barris de óleo equivalente por dia (boed), 1,2% acima dos 2 milhões 315 mil boed extraídos no mês anterior. Incluída a parcela operada pela Petrobras para as empresas parceiras, o aumento em relação a outubro foi de 1,9%. 

A produção exclusiva de petróleo dos campos da empresa no Brasil atingiu a média de 1 milhão 957 mil barris por dia (bpd), mantendo-se no mesmo nível de outubro, que foi de 1 milhão 960 mil bpd.

Contribuíram para a estabilidade da produção de petróleo em novembro os novos recordes mensal e diário de produção no pré-sal, de 339,1 mil bpd e 362,3 mil bpd, respectivamente, além do início da operação da plataforma P-63 no campo de Papa-Terra, na Bacia de Campos, no dia 11 do mesmo mês. Vale destacar, ainda, a entrada em operação de novos poços interligados às plataformas P-26, em Marlim, e P-53, Marlim Leste, como parte do desenvolvimento complementar desses campos, na Bacia de Campos. Além disso, teve início, em novembro, o Teste de Longa Duração (TLD) de Lula Extremo Sul, no pré-sal da Bacia de Santos, por meio do FPSO-Cidade de São Vicente.

Dando sequência às ações visando à elevação da eficiência operacional na Bacia de Campos, a companhia realizou, ao longo do mês, paradas programadas para manutenção nas plataformas do Polo Nordeste, FPSO-Cidade de Anchieta e P-53.

A plataforma P-55, no campo de Roncador, na Bacia de Campos, com capacidade para processar diariamente até 180 mil barris de petróleo e até 4 milhões de m³ de gás natural está em preparativos finais para início de produção. Além disso, a plataforma P-58 já está em fase de ancoragem no complexo denominado Parque das Baleias, na porção capixaba da Bacia de Campos. A plataforma P-62 iniciou hoje, dia 30, o deslocamento para sua locação definitiva na Bacia de Campos. A P-61 sairá amanhã, dia 31, pela manhã, também para a Bacia de Campos, enquanto que a plataforma semissubmersível do tipo TAD (Tender Assisted Drilling) já navega rumo a águas brasileiras.

Tags: Campos, Petrobras, plataformas, produtividade, resultados

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.