Jornal do Brasil

Sexta-feira, 18 de Abril de 2014

Economia

Produção de petróleo e gás natural cai em outubro

Agência Brasil

Rio de Janeiro – A produção de petróleo e gás natural no Brasil caiu de setembro para outubro, informou hoje (3) a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). No mês passado, a produção média de petróleo ficou em cerca de 2,079 milhões de barris por dia, com queda de 0,7% em relação à de setembro. Na comparação com outubro do ano passado, houve crescimento de 3,4%.

Já a produção de gás natural caiu nas duas bases de comparação. Os 72,9 milhões de metros cúbicos por dia produzidos em outubro significaram queda de 0,1% na comparação com outubro do ano passado e de 6,8% em relação à de setembro deste ano.

Segundo a ANP, no total, a média de petróleo e gás produzidos no país ficou em 2,537 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

Mais uma vez, o Campo de Roncador, na Bacia de Campos, foi o que mais produziu petróleo, com média de 289,4 mil barris por dia. O Campo de Rio Urucu, na Bacia do Solimões, ficou com a maior produção de gás natural, com média de 6,2 milhões de metros cúbicos diários. A plataforma P-56 foi a que mais produziu, com média de 140,5 mil barris de óleo equivalente por dia, nos oito poços a ela interligados.

De acordo com a ANP, a produção de petróleo e gás natural no Brasil foi proveniente de 8.962 poços, sendo 764 marítimos e 8.198 terrestres. O campo com o maior número de poços produtores foi Canto do Amaro, na bacia terrestre potiguar, com 1.110 poços. O campo marítimo com maior número de poços produtores foi Marlim, com um total de 58.

Tags: agência, anp, exploração, gás, Petróleo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.