Jornal do Brasil

Sábado, 19 de Abril de 2014

Economia

Conar recomenda que Claro tire do ar propaganda com Neymar e Ronaldo

Portal Terra

O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) recomendou à Claro que suspenda a veiculação da propaganda na qual Ronaldo passa um trote em Neymar. De acordo com o conselho, a campanha “Trote – O barato mais ilimitado para a sua família” é um estímulo para que as crianças, ao verem os personagens do comercial como ídolos, comecem a passar trotes. A decisão foi tomada após a reclamação de quatro consumidores. 

Segundo o Conar, a Claro se defendeu afirmando que o trote da campanha não pode ser considerado ilegal, segundo o código penal, já que não envolve nenhum serviço de emergência, além de dizer que a brincadeira entre amigos estaria muito bem caracterizada na propaganda.

Ronaldo passa trote em Neymar na propaganda
Ronaldo passa trote em Neymar na propaganda

Contudo, ao analisar a propaganda o conselho de ética do Conar não aceitou a defesa da Claro e avaliou a campanha como “deseducativa”. O Conar afirmou que o conselho nem entrou na discussão sobre a campanha ferir o código penal.

O Terra entrou em contato com a Claro, que resssaltou que a propaganda se trata "de uma brincadeira entre amigos e que esse trote, como alguns consumidores afirmaram, não poderia ser considerado ilegal".

"Ainda assim, seguimos a orientação do Conar e já retiramos o filme do ar", afirmou a nota da Claro.

Tags: anúncio, brasil, jogador, telefonia, veiculação

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.