Jornal do Brasil

Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2018 Fundado em 1891

Cultura

Ator Robert Wagner é investigado pela morte de Natalie Wood

A atriz foi encontrada afogada há quase 40 anos

Agência ANSA

O ator norte-americano Robert Wagner, 87 anos, está sendo investigado pela morte da atriz Natalie Wood, ocorrida em 29 de novembro de 1981, quando ela tinha 43.

A estrela de "Juventude transviada" foi encontrada afogada enquanto estava em um iate com Wagner, seu segundo marido, na costa da ilha de Santa Catalina, na Califórnia. A hipótese inicial era de acidente, mas o inquérito foi reaberto em 2011, e uma perícia revelou que hematomas achados no corpo podem ter sido frutos de agressão.

Em entrevista ao canal "CBS", o vice-xerife do condado de Los Angeles, John Corina, contou que Wagner passou a ser investigado por ter sido a última pessoa a ver Wood com vida. "Apuramos esse caso há seis anos, acredito que [Wagner] seja uma pessoa de interesse neste momento", disse o policial.

Wagner passou a ser investigado por ter sido a última pessoa a ver Wood com vida
Wagner passou a ser investigado por ter sido a última pessoa a ver Wood com vida

Desde a reabertura do inquérito, o ator se recusa a falar com os investigadores. Wood estava com Wagner no iate "Splendour", junto com o também ator Christopher Walken e o capitão da embarcação, Dennis Davern. Seu corpo foi achado ao lado de um barco salva-vidas.

Na época, foi divulgado que a atriz, que não sabia nadar, havia caído na água por acidente, e o caso foi arquivado. Em 2011, novas informações levaram à reabertura do inquérito, mas nada relevante foi descoberto pela polícia. No entanto, em 2013, uma autópsia revelou a presença de hematomas no braço, no pescoço e nos pulsos de Wood.

Wagner, Walken e Davern disseram na época da morte que a atriz, conhecidamente aterrorizada pelo medo de se afogar, havia subido sozinha em um bote salva-vidas.

Tags: agressao, ator, hollywood, internacional, morte

Compartilhe: