Jornal do Brasil

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Cultura

Calábria vira destino para quem quer se casar na Itália

Vilas possuem praias e castelos - além de cenário para corajosos

Agência ANSA

Por ter diversas praias com águas cristalinas, castelos ou cidades medievais e vinícolas com paisagens deslumbrantes, a Itália é um dos destinos mais escolhidos por casais apaixonados que desejam realizar seu casamento.

Do norte ao sul do país, diversas regiões se destacam por ser ideais para este momento, como a Sicília, o Vêneto ou a Púglia.

No entanto, a Calábria vem cada vez ganhando mais espaço entre as regiões mais românticas, com muitos locais para receber o tão famoso "sim".

-De Chianalea di Scilla a Eremo di Santa Maria della Stella: Se o pedido de casamento acontecer em um jantar romântico em Chianalea, você pode encontrar até oito noivas diferentes que decidiram escolher o local, que está entre as "mais bonitas vilas da Itália" como local para aceitar seu amado em casamento.

As históricas vilas de Chianalea possuem fontes antigas, como a "Fontana Ruffo", datada do século 16. Além disso, por lá são encontradas com facilidades diversas igrejas medievais e castelos, que sobreviveram a força do tempo e os terremotos de 1783 e 1908.

Chianalea oferece ao casal diversas vistas românticas e um pôr do sol inesquecível na baía das vilas. Um dos locais mais escolhidos para realizar um casamento é o Santuário di Santa Maria della Stella, que se localiza dentro de uma gruta. O local é o lar de uma estátua de Nossa Senhora e diversas pinturas religiosas datadas dos séculos 10 e 11.

- As religiões de San Valentino e o Arcomagno: Nem todos sabem que na Calábria, em Belvedere Marittimo, são mantidas as relíquias do dia dos namorados dentro do "Convento dos Capuchinhos". Construído em 1595 e dedicado a São Daniele Fasanella, o convento está localizado aos pés da rocha de Belvedere. Dentro da igreja, a "Cappella della Porziuncola" abriga o altar dedicado a São Francisco de Assis, onde também estão depositadas as relíquias do bispo de São Valentim.

No entanto, se o casal busca uma cerimônia menos religiosa na província de Consenza, a praia do Arcomagno é uma das opções. A paisagem do local é decorada com um extraordinário arco natural entre as rochas. A pequena praia só pode ser alcançada por pequenas embarcações que consigam navegar pela caverna, onde dentro há uma fonte de água doce.

- Memórias Shakesperianas: Romeu e Julieta, o casal do amor impossível criado pelo escritor William Shakespeare, também tem espaço na região para quem não tem medo de lendas. Se alguém quiser se arriscar em um cenário "macabro" e tentar escrever um final feliz para sua história, há dois lugares que podem permear esse momento.

A cidade fantasma de Pentedattilo, que é conhecida como a "Mão do Diabo", foi palco, segundo uma lenda, do trágico fim da luta pelo amor de uma mulher entre dois homens. A história da família Abenavoli acaba em um grande massacre, onde um dos apaixonados é brutalmente assassinado pelo outro pretendente.

Já o segundo conta a história de duas famílias rivais de Catanzaro. Rachele De Nobili, com apenas 20 anos, se apaixona por Saverio Marincola. O relacionamento de ambos, tal qual Romeu e Julieta, abala suas famílias, até que os irmãos de Nobili matam seu namorado. De acordo com algumas pessoas, no palácio onde vivia a famíla De Nobili, é possível ouvir Rachel lamentando a morte de seu amado.

Tags: calábria, casar, destino, itália, turismo

Compartilhe: