Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

Cultura

Brad Pitt é condenado a indenização milionária na França

Ator não pagou os honorários de uma artista plástica

Agência ANSA

Os atores Brad Pitt e Angelina Jolie foram condenados a pagar cerca de 565 milhões de euros, o equivalente a R$2 milhões, a uma artista plástica francesa por uma reforma na mansão do ex-casal no sul da França que não foi quitada.

A propriedade foi adquirida pelo casal antes da separação. Em 2010, dois anos anos depois da compra, eles decidiram reformar o imóvel do século 17 e convidaram a artista e decoradora Odile Soudant.

De acordo com o jornal francês "Libération", Odile disse ter instalado luminárias na residência dos astros de Hollywood, mas não recebeu pelo trabalho, o que a deixou à beira da falência.

A decisão da justiça foi tomada no dia 19 de abril, no entanto foi revelada somente nesta quinta-feira (17). O Tribunal de Apelações de Paris ainda determinou que o casal terá que pagar uma indenização de 60 mil euros, cerca de R$223 mil por danos morais Na época, Brad e Angelina se mudaram para a mansão com seus seis filhos. Depois do divórcio, Brad comprou uma outra casa para Angelina, mas mantiveram a propriedade campestre onde produzem vinho e azeite.

Tags: agencia, ansa, cultura, internacional, jolie, pitt

Compartilhe: