Jornal do Brasil

Quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

Cultura

5 a seco volta aos palcos com o inédito “Policromo”, segundo disco do quinteto

Quinteto faz dois shows no Rio de Janeiro para marcar novo trabalho

Jornal do BrasilRafael Gonzaga*

O 5 a Seco retorna aos palcos em seu segundo álbum e primeiro disco de estúdio: “Policromo”. O quinteto formado por Pedro Viáfora, Tó Brandileone, Pedro Altério, Vinicius Calderoni e Leo Bianchini se apresentou na última segunda-feira (11) no Rio para marcar a nova fase e fará uma nova apresentação nesta terça (12), às 21h30, no Solar de Botafogo, Rio de Janeiro.

O primeiro trabalho do grupo foi o álbum “Ao vivo no Auditório Ibirapuera”, que alcançou elogios da crítica e de artistas renomados na MPB. O disco fez com que o grupo chegasse a ser um dos três finalistas na categoria de Melhor Grupo de MPB pelo Prêmio da Música Brasileira em 2012. Músicas como “Pra você dar o nome” e “Em paz”, essa última com participação de Maria Gadú, se tornaram conhecidas do grande público após serem lançadas em trilhas sonoras de novelas.

Grupo foi finalista no Prêmio da Música Brasileira
Grupo foi finalista no Prêmio da Música Brasileira

Os jovens, que dividem o vocal e se organizam tocando baixo, guitarra, bateria, violino e percussão, se revezam em um quinteto onde não há apenas um ou dois protagonistas. O grupo também acumula parcerias de renome: seu primeiro trabalho conta com participações de Lenine, Maria Gadú e Chico César. O quinteto também chegou a apresentar uma temporada do projeto do musical "Cambaio (a seco)", no SESC Pompéia. A apresentação era composta por canções de Chico Buarque e de Edu Lobo.

O novo álbum mantém a mistura de ritmos do trabalho anterior – os cinco continuam transitando entre territórios da MPB que vão do samba ao rock. Músicas como “Eu amo Djavan”, “Geografia sentimental” e “Passo a passo” são alguns do destaque do disco “Policromo”. Saindo do Rio, o grupo vai direto para Brasília, onde se apresenta no próximo dia 17, no Teatro Oi Brasília.

*Do programa de estágio JB

Tags: chico césar, lenine, leo bianchini, maria gadú, pedro altério, pedro viáfora, tó brandileone, vinicius calderoni

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.