Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Setembro de 2014

Cultura

Sintonia Suburbana estreia na Biblioteca Parque Manguinhos, grátis

A reestreia é nos dias 9 e 10 de agosto, no recém-inaugurado Cineteatro Eduardo Coutinho

Jornal do Brasil

O espetáculo "Sintonia Suburbana" do projeto Manguinhos em Cena volta à cena no recém-inaugurado Cineteatro Eduardo Coutinho, da Biblioteca Parque de Manguinhos, e também vai partir para nova fase com apresentações Arena Jovelina Pérola Negra (Pavuna) e na Arena Carioca Dicró (Penha).  As apresentações acontecem nos dias 9 e 10 de agosto, sábado e domingo, às 19h, com entrada franca.

Com um elenco de 27 atores dirigidos por Luís Igreja, "Sintonia Suburbana" é uma comédia melodramática do grupo Manguinhos em Cena, baseada em histórias que os próprios alunos levaram para as oficinas, inspiradas em situações e pessoas com quem convivem no cotidiano. O texto é assinado pela dramaturga Renata Mizrahi, convidada para participar do projeto em 2012. Todo o trabalho é fruto de produção coletiva, não só em relação ao texto, mas também ao figurino, ao cenário e a toda a parte técnica. Sem falar que os próprios alunos também se dedicam à captação de recursos, por meio de apoios e editais de fomento à cultura.

Depois da primeira e bem sucedida temporada em 2012/2013 e a chegada de mais doze participantes, o espetáculo cresceu com o amadurecimento dos atores que frequentam as oficinas do projeto. Eles partiram para novas experiências  para se aprimorarem e souberam aproveitar as oportunidades que foram surgindo, como Evaldo de Andrade que atuou como elenco de apoio na novela "Joia Rara", da TV Globo e , na peça, é um dos locutores radialista da rádio Sintonia Suburbana.

Manguinhos em Cena - coordenado pela Companhia do Gesto e Zucca Produções e que integra o programa Favela Criativa 
Manguinhos em Cena - coordenado pela Companhia do Gesto e Zucca Produções e que integra o programa Favela Criativa 

 Sucesso de público em 2012 e 2013, o espetáculo "Sintonia Suburbana" encantou a comunidade de Manguinhos que lotava o cineteatro da Biblioteca Parque de Manguinhos nos fins de semana de dezembro de 2012 a março de 2013. A montagem foi fruto de um longo período de cursos, oficinas e um processo teatral intenso.  Trabalhando diretamente com Igreja e com os alunos-atores, Renata (autora de "Coisas que a gente não vê" e os "Sapos") foi a responsável por dar unidade em um texto original aos casos de bala perdida, remoções habitacionais, falta de destino e de identidade. "Sintonia Suburbana" é o nome de uma rádio, que apresenta programas como "Casos bizarros da vida normal ou casos normais da vida bizarra" e "Contos picados do dia a dia", tudo com muito humor, visando à reflexão e ao entretenimento.

 Para a espectadora Larissa Gomes, 18 anos, a peça foi além de um simples entretenimento, fazendo a conexão dos moradores do entorno da biblioteca com o projeto Manguinhos em Cena edição 2014.  Quando assistiu ao espetáculo pela primeira vez, Larissa ficou impressionada com tudo o que viu. E logo, o amor pela arte bateu fundo no coração da jovem. Larissa - que tinha uma amiga no elenco - ficou aguardando ansiosa por uma vaga no projeto. Hoje ela é a mais nova integrante do grupo e não vê a hora de atuar no "Sintonia Suburbana". "Quero muito fazer parte desse espetáculo e de muitos outros. Agora sei que vou realizar o meu sonho de atuar", empolga-se a nova integrante do grupo, que participa ativamente das oficinas de dramaturgia, interpretação, direção, produção, dança, técnica vocal e melodrama que vão ajudar na reformulação do espetáculo.

 Idealizado e coordenado pela Companhia do Gesto e pela Zucca Produções em parceria com a Biblioteca Parque de Manguinhos, o projeto Manguinhos em Cena é um dos laboratórios do PalavraLab das Bibliotecas Parque estaduais e  integra o Programa FAVELA CRIATIVA. Resultado da parceria entre o poder público e a iniciativa privada, contando com recursos de R$ 14 milhões, provenientes da própria Secretaria de Estado de Cultura, da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro, da Light, do Programa de Eficiência Energética da ANEEL e do Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID, o FAVELA CRIATIVA é formado por um conjunto de projetos que oferece a jovens agentes culturais formação artística e especialização em gestão cultural e estabelece canais de diálogo entre estes jovens, possíveis parceiros e patrocinadores potenciais

Pioneira na pesquisa da linguagem do Teatro Gestual no Brasil, a Companhia do Gesto promoveu nove oficinas gratuitas de formação teatral dentro da Biblioteca: Corpo e Máscara, Palhaço, Improviso e Jogo, Voz e Musicalização, Confecção de Máscaras, Criação, Produção Cultural, Olhar sobre a Cena (assistir, entender e escrever sobre espetáculos teatrais), além de uma oficina sobre o Jogo de Teatro em grupo. O projeto contemplou também atividades extras monitoradas (produção, saídas de intervenção na comunidade, idas ao teatro, leituras dramatizadas, participação monitorada em eventos, como o Festival Intercâmbio de Linguagens), estágios técnicos (cenário, figurinos, luz) e encontros de dramaturgia, sob a coordenação da Companhia do Gesto e seus parceiros.

O Cineteatro Eduardo Coutinho, na Biblioteca Parque de Manguinhos,localiza-se na Av. Dom Helder Câmara, 1184 - Manguinhos - Tel (21) 2204-1498

Tags: manguinhos, peça, Rio, RJ, sintonia suburbana, teatro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.