Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Cultura

BNDES financia 29 salas de cinema da Redecine no Grande Rio

Agência Brasil

Financiamento aprovado hoje (29) pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no valor de R$ 27,3 milhões, vai permitir a construção de 29 salas de cinema nos bairros do Recreio dos Bandeirantes e Jardim Sulacap, na zona oeste da capital fluminense, e no município de Itaboraí, região metropolitana do Rio de Janeiro. O empréstimo será concedido à Redecine Rio Cinematográfica Ltda.

Dos recursos aprovados, R$ 7,2 milhões são oriundos do Programa para o Desenvolvimento da Economia da Cultura (BNDES Procult), enquanto R$ 20,1 milhões provêm do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), que tem o BNDES entre os agentes financeiros. A participação do BNDES equivale a 83% do investimento da empresa no projeto.

A secretária-geral da Associação dos Moradores e Amigos da Sulacap (Amisul), Ecy Trindade, comemorou a construção das novas salas de cinema no bairro, em entrevista à Agência Brasil. “Vai ser bom”, manifestou. O projeto prevê a implantação de 12 salas com tecnologia 3D (três dimensões) no Parque Shopping Sulacap, com capacidade para 1,5 mil lugares.

A Amisul terá encontro na próxima quinta-feira (31) com a administração do shopping, quando será comunicada das obras. Ecy Trindade acredita que o benefício, que se traduz em inclusão audiovisual para a população da região, atenderá não só aos moradores de Jardim Sulacap, mas se estenderá a outros bairros vizinhos, como Vila Valqueire, Mallet e Bangu: “Eu acredito que vai ser muito interessante”.

Ecy Trindade lembra que Sulacap já tem seis salas de cinema, inauguradas em setembro de 2010 em um supermercado, com recursos do programa Cinema Perto de Você, lançado pelo governo federal em junho daquele ano. Por estar situado em um supermercado, o Multiplex Popular pôde ter preços de ingresso abaixo da média, sem prejuízo da qualidade do serviço. A ideia era atender às classes de renda B e C, conforme informou a assessoria de imprensa do BNDES à época. A construção do complexo de cinema popular teve apoio financeiro do BNDES e da Agência Nacional do Cinema (Ancine) no valor de R$ 3,76 milhões.

O Recreio dos Bandeirantes ganhará também um complexo de cinema no América Shopping, com 12 salas dotadas de  tecnologia 3D e capacidade para 1,4 mil pessoas. Tanto no Recreio quanto no Jardim Sulacap, a conclusão das instalações é prevista para dezembro de 2015.

Já no município de  Itaboraí, serão cinco salas no Shopping Itaboraí Plaza, que atenderão a um público estimado em 1,3 mil pessoas. A inauguração está prevista para setembro próximo. O projeto ampliará o quadro funcional da Redecine de 600 para 828 empregados.

Tags: amisul, banco, liberação, recursos, sulacap

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.