Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Cultura

Teste de DNA quer confirmar identidade de Mona Lisa

Agência ANSA

Especialistas italianos irão recolher no próximo dia 29 de abril amostras de DNA dos restos mortais de membros da família de Lisa Gherardini Del Giocondo, na sepultura onde repousam na igreja Santissima Annunciata, em Florença. O objetivo é determinar se ela era a modelo para a criação da maior obra-prima de Leonardo Da Vinci, a Mona Lisa.

    As amostras serão recolhidas pelos antropologistas forenses Giorgio Gruppioni e Antonio Moretti e serão analisadas em conjunto com outros especialistas que estão testando ossos em um convento em Florença, onde a esposa do rico Mercadante Francesco Del Giocondo morreu em meados do século XVI.

    O túmulo da família na igreja Santissima Annunziata conserva os restos mortais de Francesco Del Giocondo e do seu casal de filhos.

    Testes em ossadas exumadas em 2008 tiveram o objetivo de verificar se eles datam do mesmo período em que a modelo posou para aquele que viria a se tornar o quadro mais famoso do mundo, cujo sorriso enigmático leva milhares de turistas ao Museu do Louvre, em Paris, onde é exposto. Os testes de DNA dos ossos serão comparados com os que serão feitos nos restos dos filhos de Gherardini.

    Se forem compatíveis, a mulher retratada pelo mestre do Renascimento poderá ser finalmente identificada. (ANSA)

Tags: estudo, gioconda, mulher, pesquisa, quadro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.