Jornal do Brasil

Terça-feira, 22 de Julho de 2014

Cultura

Peça com texto de David Mamet é apresentada em duas versões

Jornal do Brasil

A peça "Oleanna", de David Mamet, estreia no próximo dia 14, às 20h, no Teatro Gláucio Gil. O diretor Gustavo Paso optou por uma montagem com duas versões: uma com Marcos Breda e outra com Miwa Yanagizawa como professores. Luciana Fáverdará vida à confusa aluna que trava com seu mestre uma conversa cheia de equívocos e uma acusação devastadora.

A peça faz parte da ideia do diretor de apresentar ao público duas versões sobre o mesmo tema, mudando o ator que representa o professor, por uma atriz que defenderá as mesmas questões. Para quem conhece a obra fica nítido o propósito de dar um horizonte diferente sobre as questões apresentadas. Uma oportunidade e experimentar, numa mesma temporada, uma terceira perspectiva sobre a obra de David Mamet.

Com aspectos profundamente interessantes, “Oleanna” apresenta ao público logo nos primeiros momentos o que se pode chamar de ponto chave: a livre interpretação. O texto com poucas rubricas contém diálogos vagos o suficiente para que os espectadores decidam o que acontecerá ou não entre os dois personagens.

Logo na primeira cena, a aluna extremamente ansiosa e esforçada procura o professor que leciona a matéria que precisa desesperadamente aprender, caso contrario correrá o risco de perder a vaga na universidade. O professor, impaciente e distraído, desenvolve uma caótica conversa, interrompida diversas vezes pelo toque de seu telefone, com questionamentos pessoais. Sem se preocupar com a angustia de sua aluna, ela aponta várias vezes sua falta de articulação para com o que está lhe ensinando.

“Oleanna” é sem dúvida uma das peças americanas mais polêmicas das ultimas décadas, embora tenha ficado famosa por razões que não fazem jus ao que a obra representa. O motivo foi como o assédio sexual é tratado no texto, assunto que está presente em praticamente toda crítica ou artigo sobre a peça.

A temporada vai até 21 de abril. De sexta a segunda, às 20h. O Teatro Gláucio Gil fica na Praça Cardeal Arco Verde S/N, em Copacabana. 

 

 

Tags: americana, Arte, copacabana, peça, teatro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.