Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Cultura

"Lemmy não melhora porque segue fazendo bobagens", diz empresário

Portal Terra

O ano de 2013 não foi nem um pouco fácil para Lemmy Kilmister. Depois do cancelamento de uma série de shows na Europa e de abandonar o palco durante a apresentação do Motörhead no festival Wacken Open Air, na Alemanha, em agosto, o trio ainda precisou adiar outros compromissos. Sempre devido aos problemas de saúde do músico, uma das últimas lendas vivas do rock, que completou 68 anos no último dia 24 de dezembro.

Mas, apesar de todos os problemas, que incluem um marcapasso no coração e uma grave diabetes descoberta em 2000, segundo o empresário da banda britânica, Todd Singerman, Lemmy continua fazendo bobagens em sua vida - e seria esse o motivo de ele não conseguir melhorar.

"Ele tem tido altos e baixos que mudam de um dia para o outro. Isso porque mantém os maus hábitos, que já deveria ter cortado", disse o manager em entrevista à nova edição da revista norte-americana Decibel, especializada em heavy metal e rock pesado em geral. "Ele parou de fumar, mas provavelmente continua tomando seu Jack Daniels com Coca-Cola escondido. Ele mente quando diz que parou. Até está tentando substituir essa combinação por vinho, algo que combinou com os médicos. Mas vinho tem muito açúcar também e Lemmy esquece de dizer que toma não um pouco da bebida, mas duas porras de garrafas toda vez."

No documentário Live Fast Die Old, o músico afirmou que desde os 30 anos de idade tomou diariamente uma garrafa de Jack Daniel´s, além de ter usado e abusado ao longo de sua vida de drogas como anfetamina e LSD, além de ter fumado dois maços por dia de Marlboro vermelho ao longo de cinco décadas. 

"Estamos lutando contra esses hábitos. É preciso manter em mente que ele tem feito tudo isso desde (Jimi) Hendrix (de quem Lemmy foi roadie, na década de 1960)", continuou Singerman. "Ele ferrou tudo na Europa. Precisava descansar por três meses, mas se recusou. Então o fizemos cancelar a turnê, o que ele não queria. Lemmy precisa encontrar o equilíbrio e cumpri-lo. Ele tem ótimos dias, mas depois ferra tudo. E quando ferra tudo, acaba voltando tudo para trás."

Tags: banda, cancelados, Europa, hábitos, shows

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.