Jornal do Brasil

Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Cultura

Condenado em 2009, ator de 'Família Soprano' recebe liberdade condicional

Portal Terra

Lillo Brancato Jr., 37 anos, ator norte-americano que trabalhou na série de TV Família Soprano e atuou ao lado de Robert De Niro no filme Desafio no Bronx (1993), recebeu liberdade condicional e deixou a cadeia nesta terça-feira (31). As informações são do New York Post.

Em janeiro de 2009, ele havia sido condenado a dez anos de prisão por ter participado de uma tentativa de assalto que resultou na morte de um policial fora de serviço. Brancato foi condenado pela tentativa de assalto, mas considerado inocente da acusação de homicídio.

Na noite de 10 de dezembro de 2005, Brancato foi junto com Steven Armento buscar drogas em um apartamento do bairro do Bronx, em Nova York. De acordo com a documentação do caso, um dos moradores, um policial à paisana, pensou que alguém tentava roubar a casa e foi ver o que acontecia. Pouco depois, teve início um tiroteio no qual morreu o policial Daniel Enchautegui, de 28 anos, e tanto Brancato quanto Armento ficaram feridos. Durante o julgamento, foi comprovado que foi Armento quem atirou no policial. 

De acordo com o TMZ, policiais de Nova York estão ficaram "furiosos" com a liberação do ator. Uma entidade que representa os oficiais da região divulgou uma nota na qual afirma: "temos a convicção de que Lilo Brancato é culpado pelo assassinato do policial Daniel Enchautegui, apesar de ter sido condenado apenas por tentativa de roubo. Toda a comunidade vai vigiá-lo e, no minuto em que ele sair da linha, temos certeza de que retornará à prisão para cumprir o restante da sentença".

Tags: ator, condenação, liberdade, Série, TV

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.