Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Abril de 2014

Cultura

Escritor pernambucano Geraldo Holanda Cavalcanti é o novo presidente da ABL

Agência Brasil

O escritor pernambucano Geraldo Holanda Cavalcanti será o presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL) durante o ano de 2014, substituindo a escritora Ana Maria Machado, que dirigiu a instituição nas duas últimas gestões.

A eleição da nova diretoria ocorreu na tarde desta quinta-feira (5), em sessão ordinária, no Petit Trianon, sede da ABL, no Centro do Rio. A posse será no próximo dia 19, às 17h.

Ocupante da cadeira 29, para a qual foi eleito em 2010, na sucessão do bibliófilo José Mindlin, Geraldo Holanda Cavalcanti, de 84 anos, é diplomata de carreira, tendo sido embaixador do Brasil na Unesco, no México e na União Europeia.

Poeta, ensaísta, memorialista, tradutor e crítico literário, o escritor recebeu prêmios no Brasil e no exterior por sua obra, entre eles o Prêmio Fernando Pessoa, da União Brasileira de Escritores (UBC) e o Internazionale Eugenio Montale, da Itália.

Os demais eleitos para a diretoria da ABL foram os acadêmicos Domício Proença Filho, secretário-geral; Antônio Carlos Secchin, primeiro-secretário; Merval Pereira, segundo-secretário e Rosiska Darcy de Oliveira, tesoureira.

Ao fim da sessão, a presidenta Ana Maria Machado anunciou os nomes dos diretores eleitos e, cumprindo uma tradição da academia, fundada em 1897 por Machado de Assis, conduziu a cerimônia de incineração das cédulas.

Tags: associação, brasileira, cargos, eleição, letras

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.