Jornal do Brasil

Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Cultura

Recurso da Funarte para fomento de projetos culturais está 60% maior 

Agência Brasil

Rio de Janeiro – Com total de R$ 160 milhões para incentivo e financiamento de projetos culturais em 2012, a Fundação Nacional de Artes (Funarte), vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), apresentou hoje (2) o Programa de Fomento às Artes 2012.

O orçamento recorde representa aumento de 60% em relação ao executado pela Funarte no ano passado e abrange todas as áreas culturais.

Só para ações internacionais estão previstos R$ 9,4 milhões para promover eventos como o Ano Brasil-Portugal, a Bienal de Veneza e o Iberorquestra. De acordo com o presidente da Funarte, Antonio Grassi, a presença cultural do Brasil no exterior é muito importante, já que uma pesquisa da Embratur apontou que o principal atrativo que leva o turista estrangeiro a visitar o Brasil é o povo brasileiro.

“Isso é um dado muito importante para a gente, porque, como você mostra o povo brasileiro no exterior? Através da sua manifestação artística. Por meio do cinema, do teatro, da dança, da música é que a gente vai mostrar a cara do povo brasileiro, que vende o Brasil fora do país. A gente tem insistido muito nisso, nesses eventos internacionais, tanto nas Olimpíadas de Londres, como no Ano Brasil-Portugal, como na Feira do Livro em Frankfurt. Nós temos que estar presentes de uma maneira mais sólida com a atividade cultural lá [no exterior]”, disse.

Para a área da música serão destinados R$ 18,8 milhões, entre painéis, prêmios, apoio a festivais, feiras e bandas, com R$ 5 milhões só para esta última categoria. As artes visuais terão R$ 12,5 milhões com oficinas, prêmios de ocupação e bolsas de estímulo.

Para o circo, dança e teatro serão destinados R$ 43,6 milhões, entre capacitação artística e técnica, mostras, festivais, bienais e bolsas de capacitação. A novidade deste ano são projetos de ocupação de espaços, que foram abertos a grupos de todos os estados, não apenas aos da cidade em que está localizado o equipamento cultural.

Ainda nessa área, ocorrem durante todo o mês de agosto apresentações do Prêmio Funarte Nelson Brasil Rodrigues: 100 anos do Anjo Pornográfico. Todas as 17 peças do dramaturgo serão encenadas no Teatro Glauce Rocha, no Rio de Janeiro, com grupos de 11 estados.

Grassi cita também o restauro e reequipamento de espaços culturais, com destaque para a obra do histórico Teatro Brasileiro de Comédia, em São Paulo, e do Centro Cultural Aldeia de Arcozelo, em Paty do Alferes (RJ).

Os programas integrados vão contar com R$ 33,8 milhões para projetos de preservação, registro e difusão do acervo, publicação de livros e textos teatrais, praças do Esporte e Cultura e criação e circulação literária, este em parceria com a Fundação Biblioteca Nacional, também vinculada ao Ministério da Cultura.

Presente ao anúncio, a ministra Ana de Hollanda destacou que as parcerias, entre autarquias e fundações vinculadas, tem sido estimuladas para otimizar o trabalho e pensar o Ministério da Cultura como um todo, não como departamentos separados.

“A Funarte existia antes do Ministério da Cultura. Tinha o perfil de trabalhar mesmo com as áreas das artes. Eu acho que sempre existiu aquele período conflituoso de espaços. Agora está chegando em um período de amadurecimento. O ministério tem uma função mais política, de gerenciar, definir políticas com as secretarias vinculadas, prioridades, mas temos que confiar nas áreas finalísticas”, disse.

Também fazem parte da estrutura do Ministério da Cultura a Fundação Casa de Rui Barbosa, a Fundação Cultural Palmares, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), a Agência Nacional do Cinema (Ancine) e o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram).

Os valores anunciados se referem a editais já fechados, aos que estão com inscrições abertas e também aos que ainda não foram lançados. Grassi lembra que Funarte executou 100% do orçamento previsto para 2011, com um aumento expressivo de projetos inscritos. Os editais estão disponíveis no site da Funarte.

Tags: 1, 2, 3, 4, 5

Compartilhe: