Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Dezembro de 2014

Colunistas - Comunidade em pauta

Justiça para rico é diferente da Justiça para pobre

Jornal do BrasilDavison Coutinho *

O dinheiro, aliás a grande fortuna desviada nos negócios de doleiros, é dinheiro nosso, dinheiro do povo. Todos esses milhões poderiam ser investidos dentro de nossas comunidades no saneamento básico, urbanização, casas decentes para as famílias, saúde e educação para as nossas crianças.

Esse deveria ser o destino dos milhões desviados dos cofres públicos para alimentar a ganância da classe dos ladrões do colarinho branco que sugam e apodrecem nossa sociedade. Muito se fala quando um jovem de favela, inconformado com as faltas de oportunidade, com a sociedade preconceituosa  de portas fechadas para oportunidades, inconsequentemente se desvia do caminho e sai para furtar para comprar um tênis, uma roupa que sonha vendo na televisão que prega o consumismo. Esse jovem, muitas vezes é vitima dos justiceiros ou vai para o sistema carcerário, uma verdadeira escola para se marginalizar, ainda mais, ali ele aprende a ser bandido e dificilmente volta a se integrar como cidadão. 

E quanto a esses sanguessugas que desviam dinheiro do povo? O doleiro está preso, Deputados estão sendo julgados, vamos ver onde vai dar essa impunidade. E os indícios de participação das empreiteiras em toda essa roubalheira continuam impunes.   

Vamos ver até onde vai a justiça para os ricos, porque para os pobres já estamos cansados de assistir tamanhas injustiças.

*Davison Coutinho, 24 anos, morador da Rocinha desde o nascimento. Bacharel em desenho industrial pela PUC-Rio, Mestrando em Design pela PUC-Rio, membro da comissão de moradores da Rocinha, Vidigal e Chácara do Céu, professor, escritor, designer e liderança comunitária na Comunidade, funcionário da PUC-Rio

Tags: coluna, comunidade, davison, JB, pauta

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.