Jornal do Brasil

Sábado, 19 de Abril de 2014

Colunistas - Comunidade em pauta

Governador não entrega creche no prazo prometido

Jornal do BrasilDavison Coutinho*

Há alguns anos atrás, os moradores das comunidades viam o acesso  a educação como algo de menor importância, tendo em vista que a necessidade básica de manter as despesas básicas da casa não favorecia para que as crianças pudessem estar estudando, o trabalho era a única forma de sobreviverem.  No entanto, esse cenário mudou e hoje com a melhoria da qualidade de vida dos moradores a educação passou a ser prioridade e ao longo do tempo as comunidades estão acordando para a importância da educação.

Davison Coutinho
Davison Coutinho

A educação infantil é definida na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), está na constituição de 1988 e é defendida pelo estatuto da criança e do adolescente. Sabemos que a estimulação precoce das crianças contribui e muito para o seu aprendizado e desenvolvimento futuro. Além de auxiliar as crianças a desenvolverem suas capacidades motoras, sociais e cognitivas e ser primordial para uma aprendizagem com resultados altamente qualitativos.

A criação de uma creche modelo na Rocinha foi um dos maiores pedidos dos moradores e foi prometida pelo governador, ainda no PAC 1. A creche deveria ter sido entregue em 2010, porém foi abandonada,  invadida e usada de diversas formas ilegais e não foi entregue. Após uma grande manifestação dos moradores da Rocinha o governador entrou em acordo e prometeu publicamente em rede nacional que entregaria a creche no dia 30 de novembro de 2013. Mais uma vez, o governo não cumpriu a promessa e continuamos sem um espaço digno para nossas crianças se desenvolverem.

Não podemos aceitar que em uma cidade tão rica, que vai sediar grandes eventos, as crianças ainda continuem precisando ser sorteadas para estudar, isso é inaceitável. Parece que o nosso Governador ainda não aprendeu o quanto é importante que tenhamos uma educação infantil de qualidade para as crianças de nossas comunidades.

Sem a prioridade na educação, não adianta outros investimentos, não adianta pacificação. Estamos vivendo um movimento contrário, se não investirmos na educação logo teremos crianças desajustadas a vida social e o resultado futuro será oque já conhecemos e vivemos nos dias de hoje.

*Davison Coutinho, 23 anos, morador da Rocinha desde o nascimento. Formando em desenho industrial pela PUC-Rio, membro da comissão de moradores da Rocinha, Vidigal e Chácara do Céu, professor, escritor, designer e liderança comunitária na Comunidade, funcionário da PUC-Rio. 

Tags: creche, criação, de, modelo, na, rocinha, uma

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.