Jornal do Brasil

Sábado, 1 de Novembro de 2014

Ciência e Tecnologia

Portos e aeroportos estão sendo monitorados contra ebola, diz Chioro

Ministro garante que não há caso suspeito do vírus no Brasil

Agência Brasil

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse nesta terça-feira (5) que não há nenhum caso suspeito do vírus ebola no Brasil, e assegurou que todas as entradas de pessoas no país estão sendo monitoradas.

Segundo ele, o Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica está atento às recomendações e aos boletins diários fornecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O órgão também reforçou a rede de hospitais de referência junto às secretarias municipais e estaduais de Saúde, estabelecendo critérios de diagnóstico e prevenção.

“Já tínhamos, na semana passada, aumentado o nível de alerta para nossas equipes que atuam nos portos e aeroportos. Não temos nenhum caso suspeito, mas todos os tripulantes e passageiros que chegam são submetidos a rigorosa avaliação e, se for identificado alguém com sintomas, vai imediatamento para o isolamento e coleta de exames”, disse ele.

Chioro explicou que, de acordo com regulamento internacional, sempre que um passageiro apresenta algum sintoma, a tripulação é obrigada a comunicar imediatamente e a dar prioridade no desembarque.

O surto de ebola é o maior registrado até agora e, segundo dados da OMS, já infectou 1.603 pessoas, das quais 887 morreram nos países africanos de Serra Leoa, da Guiné, Libéria e Nigéria. Este com apenas um caso.

 

Tags: doença, epidemia, Mundial, Organização, SAÚDE

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.