Jornal do Brasil

Sexta-feira, 1 de Agosto de 2014

Ciência e Tecnologia

Instagram bloqueia conta de mãe por foto com‘nudez' de filha

Perfil foi reativado após campanha na internet em defesa da publicação

Portal Terra

Uma mãe teve sua conta do Instagram bloqueada na última semana, após publicar a foto de sua filha de 19 meses de idade com botas, roupas íntimas e o vestidinho levantado – na imagem a criança aprecia o tamanho de sua barriga – considerada "nudez" pela plataforma. Segundo o The Independent, Courtney Adamo é blogueira da butique de bebê Babyccino Kids e desabafou no blog da loja sobre a atitude da rede social que considerou o post inapropriado.

“Eu achei que era uma foto tão doce da minha menina e ela tão linda com a barriga redonda. E adorei o seu orgulho tão evidente na foto – uma figura doce e inocente”, diz Courtney. A foto de sua filha Marlow deu origem a uma série de e-mails da rede social dizendo que ela precisava retirar a imagem, pois implicaria na violação das regras.

Foto da bebê Marlow de 18 meses com a barriga de fora deu origem a bloqueio de conta no Instagram
Foto da bebê Marlow de 18 meses com a barriga de fora deu origem a bloqueio de conta no Instagram

Após perceber a remoção feita pela Instagram, Courtney, mãe de quatro filhos (dois meninos e duas meninas), publicou novamente a foto. Horas depois, descobriu que sua conta foi desabilitada. Ela afirma que leu as regras do Instagram duas vezes e não havia nada que proibisse a publicação. “A menos que uma barriga de bebê seja considerada nudez (...) mas claramente não é”, afirmou a blogueira. 

Como resultado, a história espalhou-se na internet e ganhou a hashtag #brinckbackcourtneybabyccino (do inglês, “traga de volta courtneybabyccino”). Após a campanha, a conta de Courtney Adamo foi reativada. Em nota, o Instagram afirma que é por essa razão que suas regras “impõem limites de nudez” e que “nem sempre agem da forma correta”. “Neste caso, nós erramos e restauramos a conta”. 

Tags: campanha, censura, conta, hashtag, rede social

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.