Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Ciência e Tecnologia

Explosão em montanha abre espaço para supertelescópio do ESO

Portal Terra

O Observatório Europeu do Sul (ESO, na sigla em inglês) explodiu nesta quinta-feira parte do topo do Cerro Armazones, no Chile, para abrir espaço para a construção do Telescópio Europeu Extremamente Grande (E-ELT), que promete ser o mais potente telescópio do planeta.

Segundo o ESO, a detonação liberou 5 mil metros cúbicos de rocha do topo da montanha de 3 mil metros de altitude. Durante o processo de nivelamento, devem ser retirados 220 mil metros cúbicos de pedras do local para abrigar a plataforma de 150 por 300 metros do observatório que, por sua vez, abrigará o telescópio de 39 metros e sua cúpula.

O trabalho de construção civil, que começou em março deste ano, deve durar cerca de 16 meses e inclui a construção de uma estrada pavimentada, da plataforma no topo e de uma vala de serviço que leva ao cume. O telescópio, contudo, só deve começar a operar em 2024.

Tags: chile, construção civil, e-elt, eso, planetas, telescópio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.