Jornal do Brasil

Quarta-feira, 30 de Julho de 2014

Ciência e Tecnologia

Jovens técnicos brasileiros participam da World Skills Americas, em Bogotá

Agência Brasil

Começa hoje (1º) em Bogotá, o WorldSkills Americas, torneio internacional que reunirá 200 jovens competidores técnicos profissionais de 15 países. O Brasil enviou delegação de 34 profissionais, formados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). Os brasileiros competirão em 31 categorias, em diversas áreas entre elas, confecção de roupas, confeitaria, design gráfico, enfermagem, mecatrônica e marcenaria.

Além do Brasil, haverá competidores da Argentina, das Antilhas Holandesas, de Barbados, da Bolívia, do Chile, de Costa Rica, da República Dominicana, Guatemala, do México, Panamá, Paraguai, Peru e dos Estados Unidos, além da Colômbia, país anfitrião.

A abertura do torneio será realizada no fim da tarde de hoje, com apresentação das delegações e presença do presidente colombiano, Juan Manuel Santos. As provas começam amanhã (2) de manhã e terminam no sábado (5). Os competidores executam tarefas e devem vencer desafios com prazos estabelecidos e padrões internacionais de qualidade. Os vencedores serão conhecidos no domingo (6) à noite.

Em Bogotá, as provas serão realizadas no Pavilhão do Centro Internacional de Negócios e Exposições (Corferias) em uma área de quarenta mil metros quadrados. Os competidores devem ter idade máxima de 22 anos, exceto para mecatrônica, que tem limite de 25 anos.

Com competições bianuais, esta é a terceira edição do WorldSkills Americas, os torneios anteriores foram realizados no Rio de Janeiro (2010) e em São Paulo (2012). No último evento, o Brasil foi o país com melhor resultado ao conquistar 26 medalhas de ouro, quatro de prata e três de bronze.

De acordo com a Confederação Nacional da Indústria, o torneio é resultado de um esforço internacional para avaliar e incentivar a educação técnica. Os jovens finalistas do Brasil e de outras nacionalidades foram selecionados em competições regionais e nacionais.

Os organizadores do evento na Colômbia anunciaram que os jovens serão acompanhados por mais de 170 especialistas, que avaliarão cada etapa que os estudantes vão cumprir no período estabelecido para a realização das provas.

Além dos jurados, os competidores serão acompanhados pelo público. Estima-se que 30 mil pessoas visitem o Corferias para acompanhar as provas.

Tags: brasileiros, COLÔMBIA, evento, internacional, jovens

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.