Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Ciência e Tecnologia

Hospital dos EUA testa Google Glass em área de emergência

Médicos visualizam prontuário dos pacientes pelos óculos de realidade aumentada

Portal Terra

O hospital Beth Israel Deaconness Medical Center (BIDMC) de Boston, um dos maiores dos Estados Unidos, está testando o Google Glass em sua área de emergências. A ideia é que os médicos possam visualizar as informações do prontuário dos pacientes pelos óculos de realidade aumentada. As informações são da Fast Company.

Os testes do hospital começaram em dezembro de 2013, quando foram colocados QR codes na entrada de cada quarto do departamento de emergência. Os óculos rodam uma versão modificada do software do hospital. Basicamente, o Google Glass escaneia o código na parede, e mostra as informações do paciente, como diagnóstico, dados vitais e resultados de exames.

Ao ler o QR code do lado das salas, o Google Glass mostra informações do prontuário do paciente
Ao ler o QR code do lado das salas, o Google Glass mostra informações do prontuário do paciente

O Google Glass também foi configurado para não ter os aplicativos usuais do Google, a fim de evitar que nenhum dado entre nos servidores da empresa, tudo fica seguro dentro do firewall do hospital.

A intenção do hospital é que em vez de ficar olhando para os dados em tablets ou notebooks, o profissional mantenha contato direto com os pacientes com o uso do Glass. Por enquanto, as reações ao uso dos óculos no hospital têm sido diversas. Enquanto os funcionários estão intrigados com o gadget, os pacientes ficam fascinados e confusos.

 

Tags: aplicativo, Boston, hospitalar, tecnologia, unidade

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.