Jornal do Brasil

Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Ciência e Tecnologia

Lixo e poluentes nos oceanos e mares da Europa

Jornal do Brasil

"Os mares e oceanos da Europa não estão em boa forma", diz o Comissário do Ambiente, Janez Poto?nik. "A mensagem é clara."

A declaração de Poto?nik vem com a Comissão Europeia publicando um relatório sobre os progressos que União Europeia (UE) os Estados membros no sentido de uma promessa feita há seis anos para se certificar de que os mares do continente estavam em boa forma ambiental até 2020. Este relatório – que mostra uma primeira visão global dos mares que rodeiam a UE - mostra que o cumprimento desta promessa vai exigir grande esforço, revela uma matéria da revista Nature desta semana.

O relatório diz que os níveis de vários poluentes - como os nutrientes que causam a proliferação de algas e depleção de oxigênio subsequente no Báltico e no mar Negro - estão acima dos limites aceitáveis??; que os estoques de peixes estão sobre explorados, e que os mares estão cheios de lixo. As lacunas nos dados também são um problema enorme, e poucos Estados Membros apresentaram uma estratégia para fechar essas lacunas, a Comissão reclama.

Outro relatório sobre o mesmo assunto, divulgado hoje pela Agência Europeia do Ambiente, observa que entre 2001 e 2006, o estado de conservação era inadequado ou ruim para 50% dos habitantes marinhos avaliadas na UE, com apenas 3% das espécies marinhas consideradas em estado "favorável" e 70% sendo de estatuto desconhecido.

O relatório da Comissão conclui que os mares da UE estão enfrentando uma pressão crescente da atividade humana, e "a UE está muito longe de desfrutar de oceanos e mares saudáveis".

Tags: algas, Europa, lixo, nature, revista

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.