Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

Ciência e Tecnologia

Pequim é considerada “imprópria para viver” devido à poluição

Agência Brasil

A capital chinesa, Pequim, ficou em penúltimo lugar em uma avaliação sobre a qualidade ambiental em 40 cidades globais, sendo considerada "imprópria para viver", informou hoje (13) a imprensa oficial chinesa.

No levantamento, feito pela Academia de Ciências Sociais de Xangai, a capital chinesa é ultrapassada apenas por Moscou. "A grave poluição do ar tornou Pequim imprópria para viver", diz o relatório da Academia, citado pelo Diário de Xangai.

Estocolmo (Suécia), Viena (Áustria) e Zurique (Suíça) ocupam os três primeiros lugares. Mais duas cidades chinesas avaliadas - Hong Kong e Xangai - aparecem no 34º e 36ºlugares, respectivamente.

Quanto à tolerância social, Pequim e Xangai estão entre as dez primeiras e na área econômica (atração e estabilidade do mercado) figuram entre as 20 primeiras.

Hoje de manhã, os indicadores sobre a qualidade do ar na capital chinesa estavam no nivel considerado "altamente poluído", com a densidade das particulas PM2.5 seis vezes acima do máximo recomendado pela Organização Mundial da Saúde.

Tags: ambiental, ar, ÁSIA, cHINA, poluição

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.