Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Abril de 2014

Ciência e Tecnologia

Sonda chinesa e robô móvel tiram fotos mútuas de atividade na Lua

Portal Terra

A sonda não tripulada chinesa Chang E3 e o robô móvel Yutu (ou "coelho de Jade") tiraram fotos mútuas de sua atividade na Lua, na noite deste domingo. As imagens foram divulgadas pelo Centro de Controle Aeroespacial chinês, que , um dia antes publicou as primeiras fotos do solo lunar.

A Chang E3 (batizada em honra a uma deusa que segundo lendas chinesas vive na Lua)  pousou neste sábado na cratera lunar Sinus Iridum, o que transformou o país asiático no terceiro, após Estados Unidos e União Soviética, a conseguir uma alunissagem controlada, 37 anos e quatro meses depois da anterior.

A manobra, que foi retransmitida ao vivo por vários canais da televisão estatal chinesa, durou 12 minutos, nos quais o aparelho desceu descrevendo uma parábola até que se situou a cerca de 100 metros da superfície do satélite, momento no qual planou suavemente até pousar, quase sem levantar poeira lunar.

A China, que por outra parte alcança hoje o primeiro pouso extraterrestre de sua história, lançou sua primeira sonda lunar, a Chang E1, em 2007, e a segunda, a Chang E2, em 2010.

O país asiático tenta a longo prazo levar astronautas ao satélite terrestre, e, embora ainda não haja uma data fixada para isso, espera-se que seja por volta de 2020, época na qual a China também espera ter uma base espacial permanente orbitando a Terra.

Tags: asiático, fixada, lua, prazo, sonda

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.