Jornal do Brasil

Terça-feira, 2 de Setembro de 2014

Ciência e Tecnologia

Motocicleta que plana no ar já é testada na Austrália

Portal Terra

Um australiano chamado Chris Malloy construiu um protótipo de motocicleta que, teoricamente, seria capaz de voar e poderia ficar suspensa a até três mil metros de altura. A máquina, ou hoverbike, foi construída sobre uma base de moto, acoplada a hélices ao invés de rodas. Entretanto, os testes ainda estão em fase inicial e um vôo de fato ainda não aconteceu, pois por enquanto ainda são usadas amarras de segurança que prendem o veículo, que já flutua, ao chão.

Mesmo que a decolagem pra valer ainda não tenha ocorrido, a ideia da motocicleta parece interessante. É como uma espécie de helicóptero compacto, menor que um automóvel, mas com os comandos mecânicos semelhantes aos de uma moto normal. A partida é dada através de um acelerador de mão, para fazer curvas usa-se um tipo de guidão, seguindo a mesma lógica de uma bicileta.

Invenção  de australiano impressiona 
Invenção  de australiano impressiona 

Malloy criou um site para sua invenção, onde explica detalhes de funcionamento e mostra imagens do protótipo. Na página, ele diz que a hoverbike foi projetada para oferecer bastante segurança, com triplos componentes de reserva prontos pra entrar em ação no caso dos originais falharem durante um vôo - de acordo com o inventor, teoricamente ela é mais segura que um helicóptero neste sentido.

A motocicleta "voadora" ainda conta com dois paraquedas fixado em sua estrutura, possibilidade que não existe em um helicóptero, que são ativados em caso de falha mecânica. Para ainda mais segurança, Malloy diz que é recomendável que o tripulante também vista seu próprio paraquedas.

Nos testes realizados até o momento, todos com tiras presas ao chão, a hoverbike tem se mostrado bastante estável, com resultados conforme o previsto. Entretanto, ainda é mantida presa pelas tiras pois ainda não se tem 100% de certeza do que pode acontecer em um vôo livre - segundo Malloy escreveu no site, ele quer evitar que o protótipo seja danificado durante estes testes iniciais. Portanto, também ainda não se sabe ao certo a velocidade máxima que a motocicleta é capaz de atingir no ar.

O criador diz que o veículo é capaz de suportar até 130 kg em um vôo de 45 minutos.

Malloy atualmente arrecada doações através do site da hoverbike, protótipo que ele levou dois anos e meio para construir. Já levantou US$ 78,1 mil, mas diz precisar de US$ 1,1 milhão para desenvolver o veículo plenamente. Na página, ele diz que se conseguir o capital, consegue colocar a motocicleta planadora no mercado em cerca de 12 meses.

O valor final depende da quantidade de unidades produzidas - para um montante de 100 hoverbikes, estima-se que cada uma custaria em torno de US$ 46 mil.

Tags: invenção, Meio, moto, transporte, voar

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.