Jornal do Brasil

Domingo, 22 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Borbulhantes

O primeiro filme black do Brasil

Juliana Alves estrela, junto com Ailton Graça, Lázaro Ramos, Lellêzinha, Juan Paiva, o primeiro filme black brasileiro. Produção escrita, dirigida, filmada e interpretada 100% por negros. Experiência inédita no Brasil. Correndo Atrás, uma comédia, vem na esteira do sucesso estrondoso de Pantera Negra e estreia em junho. Jeferson De assina a direção e divide a autoria do roteiro com o humorista Helio de La Peña, para quem, apesar da proposta de uma obra com identidade racial, o filme não tem nada de panfletário: “ele é puro entretenimento, sua existência já é um manifesto”. 

    

Trata-se de uma adaptação de um livro de La Peña, que também faz participação especial como ator. O filme foi exibido em prélançamento, na casa da produtora Clélia Bessa, apenas para o elenco (aqui, a foto de Juliana Alves), arrancando boas gargalhadas, e o mesmo aconteceu em fevereiro, em Los Angeles, durante o  Pan African Film Festival, maior e mais prestigiado festival de arte e de cinema negro das  Américas.

Sábado da Ressurreição 

Era Sábado de Aleluia, e foi a noite da ressurreição do Teatro Municipal, agora sob a direção de Fernando Bicudo. Uma glória, a abertura da programação 2018. O encontro das orquestras Sinfônica do Municipal e a Sinfônica Brasileira, sob a regência do maestro Tobias Volkmann,  foi eletrizante. Era evidente a alegria dos músicos por participarem daquele momento, executando a Sinfonia n. 2 de Gustav Mahler, também chamada A ressurreição. A participação das solistas Denise de Freitas e Flavia Fernandes, bem como das bailarinas Ana Botafogo e Cecília Kersche conferiu ainda mais encanto. Entusiasmo compartilhado pelo público, que aplaudiu com ênfase o momento mágico proporcionado pelo Municipal. E a temporada 2018 continua com o Ballet do Capitole de Toulouse, neste fim de semana, com o espetáculo Nos passos de Nureyev, uma seleção de coreografias inspiradas nos grandes sucessos da carreira de Rudolf Nureyev.

CPI investiga ciclovia Tim Maia 

O Movimento Queda Ciclovia - Não Vamos Esquecer prepara grande mobilização no dia 21, sábado, às 10 horas, no Mirante do Leblon, seguida de missa, para lembrar os dois anos do episódio trágico. Pedem punição aos responsáveis. E a partir de hoje os desabamentos da ciclovia Tim Maia serão alvo de CPI na Câmara Municipal. Um time de vereadores de peso promete ser implacável: Renato Cinco, Alexandre Isquierdo e Teresa Bergher. Vão investigar as irregularidades na construção da ciclovia que leva o nome do Síndico, que, vivo estivesse, já teria pedido “me tira dessa”.

Os bons samaritanos 

O Senado estuda a privatização da Eletrobras nesta primeira semana de abril e a oposição se organiza para vetar o projeto. A maior crítica à privatização da estatal vem do setor ambiental. Em caso de privatização, é preciso considerar o impacto na biodiversidade brasileira, nas bacias hidrográficas e no direito ao uso da água. A maior parte da energia nacional advém das hidroelétricas. O projeto do governo prevê revitalização apenas na bacia do São Francisco, deixando todas as outras à mercê da boa vontade dos empreendedores responsáveis pelas obras. É muita fé nos bons samaritanos.

BORBULHANTES

A foto de Abdul Aziz, o menino de Myanmar, morto num campo de refugiados em Balgladesh, foi eleita A Foto do Ano de 2018

FICO ENCABULADA quando ouço dizerem coisas como “Marielle foi apenas mais uma vítima da violência” ou que os tiros na caravana do Lula foram armação do PT... NÃO GOSTAM do PT, não votem nele. Isso se chama democracia. Mas acreditar em lixo de fake news, sobretudo em “notícias” mal escritas, sem pé nem cabeça, forjadas, só querendo muito acreditar... NOSSO PAÍS tem que abrir o olho porque está mergulhando de cabeça no fascismo e, quando cair de vez nesse poço movediço e sem fundo do ódio, difícil será conseguir sair dele... LEVARÁ DÉCADAS, talvez, para limpar as mentes da contaminação da maldade, que nos enfraquece, enquanto os larápios de nossa soberania comem pelas beiradas, levam o pouco que nos restou da Petrobras, abocanham a Eletrobras, engolem nossos aquedutos... É PRÁTICO jogar a maldade, as mentiras, as injúrias no ventilador e se mudar para Lisboa, Miami, Nova York, Paris. Mas chegará uma hora em que baterá a saudade, dará vontade de voltar pra casa, e então?... O BRASIL terá se transformado num Iraque? Numa Síria? Ou num paiseco de quinta, que nada produz, apenas consome importados? De quinta economia do mundo a um subserviente país de empregados de estrangeiros?... NÃO SERÁ bem melhor puxar agora este freio do fascismo, do ódio, dos toscos do MBL, dos saudosos viúvos da ditadura, que desta vez, se vier, não deverá ser a militar, mas a ditadura do caos, e acertar o passo da democracia?... E COMO SE acerta o compasso democrático? Voltando a cumprir a Constituição. Não se deixando levar por fanáticos obscurantistas, os camisas pretas dos justiçamentos, que desejam alterar as leis brasileiras em nome de sua vontade, suas convicções e conveniências... EM NOME de uma mídia manipuladora, que contamina mentes e corações do povo, para atender aos caprichos do mercado... NÃO, QUE CADA um ponha a mão na consciência da responsabilidade que lhe cabe neste grave momento nacional, e não seja cúmplice e conivente do que amanhã será seu próprio arrependimento... A MAIS LINDA Gordinha do Rio será eleita dia 13, em certame no Pavilhão de São Cristóvão. Manequim a partir de 46, em duas categorias: gordinha tradicional, dos 18 aos 35 anos, e gordinha sênior, dos 36 aos 55... A CARIOCA vencedora enfrentará as gordinhas top dos outros estados onde há o concurso, como Minas e Espírito Santo... É A CONTRACULTURA na moda e na atitude mostrando sua força. Opressão de padrões de beleza, nunca mais!... VERINHA BOCAYUVA interna-se hoje na Clínica São Vicente para operar o nariz. Desvio de septo em decorrência de uma pancada. Sairá respirando melhor e sem aquele quebradinho. O cirurgião plástico é seu primo, o ótimo José de Faria... A PATRÍCIA SECCO também operou o nariz. Retirou um basocelular. Está de molho há vários dias.... EU TAMBÉM estou pensando em dar uma geral no... nariz... ESCOLHIDA POR um júri internacional de primeira grandeza, A Foto do Ano de 2018, na 4ª Premiação Fotográfica de Istambul, pela Agência Anadolu, registra um menino morto num campo de refugiados de Balukhali, em Bangladesh... É DE UMA beleza trágica reveladora do momento de barbárie e indiferença que vive o mundo. Uma foto, um detalhe, e quanta expressividade!...  O AUTOR dessa fotografia extraordinária é Damir Sagolj. Um menino morto, enrolado num cobertor e os olhos cobertos por folhas... O MENINO ABDUL Aziz e sua família haviam fugido de Myanmar dois meses antes de sua morte por febre... ABDUL NÃO É a única criança vítima dos conflitos na região... O EDITOR DIGITAL sênior da revista Paris Match, Marion Mertens, disse: “A foto vencedora deste ano é realmente forte. Ela diz muito sobre o que foi a grande notícia do ano. É uma foto muito comovente”...

Com João Francisco Werneck



Tags: angel, borbulhantes, coluna, hildegard, jb

Compartilhe: