Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Anna Ramalho

Quem será a Cinderella do Brasil?

Jovem, bonita, jornalista de formação, Renata Borges resolveu dar uma guinada na vida e acumular à sua já movimentada rotina a atividade de produtora teatral. O primeiro projeto - no qual divide a produção com Claudio Figueira - estreia em dezembro, no Teatro das Artes: "Sim, eu aceito! O musical do casamento". Sucesso da Broadway no final da década de 1960, terá como estrelas Osmar Prado e Sylvia Massari.

Agora, ao lado de Douglas Carvalho Jr.Renata anuncia a compra dos direitos do musical "Cinderella" para o Brasil. A estreia será, provavelmente, no segundo semestre de 2015 e as temporadas se dividirão entre Rio de Janeiro e São Paulo. Atualmente, a histórica montagem de Rodgers & Hammerstein para os palcos está na Broadway. Sessões lotadas de segunda a segunda. Na montagem original, feita para a TV em 1957, Cinderella foi ninguém menos do que Julie Andrews, a eterna Noviça Rebelde. 

Nas palavras da produtora Renata Borges:

“Comprar esses direitos foi a realização de um sonho. Toda menina ou mulher deseja ser uma Cinderella. O conto fez parte da minha infância e de tantas outras mulheres mundo afora. É atemporal. Ser a “Ella” é o desejo de toda mulher. Tenho certeza de que esta “filha” será algo INESQUECÍVEL!", confessa emocionada.

Enquanto acerta os detalhes da produção, como atores principais, direção e figurinos, a empolgada Renata faz questão de frisar:“Não estamos aqui a passeio. A pré produção será iniciada no próximo mês, quando escolheremos com certeza os melhores profissionais do mercado. Será uma longa e trabalhosa jornada, mas o público brasileiro vai ter um musical do mais alto nível, algo espetacular”, afirma.

Outros planos

A sociedade com o empresário Douglas Carvalho Jr. não para no "Cinderella". Em 40 dias, a dupla anuncia a nova produtora, já com os direitos da peça e também do musical “First Date”. Este último, uma comédia que conta todos os erros cometidos no primeiro encontro de um casal. Renata e Douglas prometem mais novidades, "muita coisa boa" e muito em breve.

Com vasta experiência na área de marketing, o economista Douglas Carvalho Jr. fundou, em 2010, a Target Advisor, empresa que oferece consultoria no campo de fusões e aquisições, especialmente para negócios relacionados ao varejo. Sua primeira transação foi a venda da marca de moda Los Dos para o Grupo BRLabels e, de lá para cá, foram mais quatro intermediações. Negócios de vulto como a venda da VR, da Bob Store e da Mandi para a INBrands. Entretanto, garante não ser um workaholic e organiza seu tempo de maneira a conseguir fazer tudo o que gosta. Em meio às paixões que cultiva, está o gosto por esportes, principalmente o automobilismo. Ele é piloto da Copa Marshall de Marcas e Pilotos. Foi nas pistas de Fórmula 1 que conheceu a sócia Renata, amiga pessoal do todo poderoso Bernie Ecclestone, da Formula 1, e de vários outros.

Detalhes sobre a produção, Renata não revela. Um pouco de mistério, afinal, faz parte do jogo. A tradução está a cargo de Flavio Marinho. Se a Cinderella já foi escolhida, ou se será descoberta em audições no Brasil, ninguém sabe. Mas aqui cabe a pergunta: quem não gostaria de ser A Cinderella do Brasil?

Tags: 2015, cultura, estreia, musical, teatro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.