Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Anna Ramalho

Cristo salva!

Em tempos de Páscoa e, portanto, de Ressurreição, a vereadora Cristiane Brasil enfim, na última terça-feira (15), apareceu para trabalhar na Câmara, mesmo não estando presa, como o pai, Roberto Jefferson. "Quase não me lembrava dela", comentou um assessor legislativo dado a maldades.  

Desde que largou a Secretaria de Qualidade de Vida para reassumir o mandato e poder se candidatar a deputada ela não tinha dado as caras no trabalho. Chata é a vida do suplente, que tem de engolir os 20 assessores de Cristiane e depois largar a cadeira. 

Tags: câmara, cristiane brasil, Governo, política, vereadora

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.