Jornal do Brasil

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

Anna Ramalho

Ilha de Paquetá: uma lupa em suas minúcias

Wilma Marques Leitão, mestre em Antropologia pela Universidade Federal do Pará, lançou recentemente o livro “Sob Um Céu de Flamboyants - Cotidiano e História Social na Ilha de Paquetá”, pela editora Interciência. A obra analisou o cotidiano da Ilha de Paquetá, conhecida também como “Ilha dos Amores”, localizada na cidade do Rio de Janeiro e um dos principais pontos turísticos da capital fluminense.

Tema recorrente em canções de personalidades como Braguinha e Aldir Blanc, a região conta com 4.500 habitantes em uma área de 1,2 km. Este pequeno paraíso tropical foi fruto de pesquisas de , autora do livro 

Com base em sua pesquisa de doutorado, Wilma utiliza teorias antropológicas para o desenvolvimento de sua narrativa. Mune-se de aspectos como histórias de famílias, geografia e ações sociais percebidas na vida cotidiana da ilha, com a intenção de apreender as diversas formas que as instituições sociais podem tomar. 

Ilha de Paquetá
Ilha de Paquetá

Tags: cultura, história, lançamento, livro, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.